Ataques de Israel a Gaza matam dez palestinos

Brasília - Os ataques aéreos de Israel à Faixa de Gaza mataram dez palestinos e destruíram o quartel-general do Hamas, neste sábado (17), no mesmo dia em que Tel Aviv anunciou ter interceptado um míssil lançado contra a capital israelense.

Os aviões de Israel fizeram 180 ataques durante a noite de ontem (16) e a madrugada de hoje, após terem sido disparados mísseis palestinos contra Tel Aviv, segundo a televisão israelense.

Os serviços de urgência de Gaza relataram a morte de dez palestinos, o que eleva para 40 o número total de mortos desde o início da ofensiva militar de Israel.

O Exército israelense anunciou que a bateria antimísseis conhecida como Cúpula de Ferro abateu um projétil disparado a partir de Gaza contra a região de Tel Aviv, onde hoje as sirenes de alarme soaram pela terceira vez desde quinta-feira (15).

Desde o início da Operação Pilar de Defesa, segundo o Exército de Israel, foram disparados mais de 600 mísseis, dos quais 404 atingiram Israel e 230 foram interceptados pelo sistema Cúpula de Ferro.

Três israelenses foram mortos e 18 ficaram feridos, incluindo dez soldados. Foram atingidos mais de 830 alvos em Gaza, segundo os militares.