Estado de Pernambuco é premiado na ONU por iniciativas de gestão pública 

Dois projetos do governo de Pernambuco são premiados nesta segunda-feira pelo Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais da ONU.

A cerimônia, na Assembleia Geral, marca os 10 anos do prêmio que celebra o Dia do Serviço Público das Nações Unidas. O governador do estado, Eduardo Campos, que recebe a homenagem em  Nova York, falou à Rádio ONU sobre o prêmio.

"Uma alegria enorme vermos o serviço público de Pernambuco sendo reconhecido. Ser reconhecido pela ONU por ter um governo que tem um projeto de planejamento com a participação popular, é algo muito importante e estratégico para que esse fundamento fique para as políticas do Estado, não seja uma ação só de governo. Esse compromisso de deixar a população não só eleger, mas ajudar a governar."

Necessidades

A série de seminários "Todos por Pernambuco" leva o primeiro lugar, entre os países da América Latina, na categoria participação pública.

O projeto, da Secretaria de Planejamento e Gestão, contou com o apoio de cidadãos para o desenvolvimento de estratégias do governo. As ações foram baseadas nas necessidades da população, com foco em cultura, educação e saúde.

Mulheres

Pernambuco também representa o Brasil no primeiro lugar entre as nações latino-americanas na categoria promoção de gênero nos serviços públicos.

A iniciativa "Chapéu de Palha", da Secretaria da Mulher, fornece treinamento profissional para o acesso das mulheres à área da construção, em trabalhos de encanamento, soldagem, reboco e na parte elétrica. Quase 39 mil pernambucanas já se graduaram no projeto.

No total, 44 organizações de 29 países serão premiadas em reconhecimento à excelência no serviço público.