Alba se recusa a participar de próxima Cúpula das Américas sem Cuba 

CARTAGENA DAS ÍNDIAS - Os países-membros da Aliança Bolivariana para os Povos de Nossa América (Alba) anunciaram que não vão participar da próxima Cúpula das Américas se Cuba não estiver presente no encontro.

Segundo um comunicado, divulgado no balneário colombiano de Cartagena das Índias, onde ocorre a 6ª Cúpula das Américas, a Alba anunciou sua decisão e pediu a participação de representantes cubanos no evento. 

O bloco também exigiu o fim do bloqueio econômico imposto à ilha pelos Estados Unidos e disse que Cuba "tem direito incondicional e inquestionável de estar presente e de participar de um plano de igualdade soberana neste fórum [Cúpula das Américas]".

A Alba é integrada por Equador, Antígua e Barbuda, Cuba, Dominica, Venezuela, Bolívia, São Vicente e Granadinas e Nicarágua.

Cuba é o único país da América que não participa da Cúpula, criada em 1994, devido à oposição dos Estados Unidos e do Canadá. Neste ano, porém, a maioria dos presidentes da região ameaçou não participar da próxima edição caso Havana continuasse vetada.