Combates entre Exército e Al-Qaeda deixam dezenas de mortos no Iêmen 

Vinte e oito soldados e 12 supostos membros da Al-Qaeda morreram em violentos combates no sul do Iêmen neste sábado, segundo um novo balanço divulgado por um oficial do Exército e uma autoridade do governo local.

As mortes ocorreram em consequência de uma ofensiva da Al-Qaeda contra posições do Exército em Mellah, na província de Lahej.

Uma autoridade da localidade onde atua a rede extremista informou que 12 combatentes do grupo Ansar al-Sharia, ligado à Al-Qaeda, morrerram no confronto.

Os agressores, provenientes do noroeste, tinham como alvos os batalhões 119 e 201, que participam das operações destinadas a desalojar os combatentes da Al-Qaeda de Zinjibar, capital da província de Abyan, que está nas mãos da rede terrorista desde maio de 2011.