Australiano é multado por mostrar as nádegas durante visita de Elizabeth II

Um australiano terá que pagar uma multa de 800 dólares por ter mostrado as nádegas à rainha Elizabeth II durante a visita dela ao país em outubro do ano passado.

Ao saber da condenação, no entanto, Liam Warriner, 22 anos, afirmou que pretende repetir o ato.

Warriner, barman em Sydney, foi julgado por perturbar a ordem pública durante a visita de Elizabeth II ao país em 2011. Ele compareceu ao tribunal de Brisbane e se declarou culpado.

O tribunal o condenou a pagar uma multa de 750 dólares australianos (800 dólares americanos).

Quando o cortejo real passava por Brisbane, capital de Queensland, Warriner abaixou as calças e correu por 50 metros ao lado das motos da escolta, com uma bandeira australiana nas nádegas, segundo a agência Australian Associated Press.

Ele afirmou que a atitude tinha como objetivo demonstrar seu repúdio pela monarca e as elites.

Na saída do julgamento, o australiano afirmou que pretende repetir o ato durante as visitas de outras personalidades.