Nova manifestação contra britânicos em Teerã

Manifestantes contra o Reino Unido expressaram nesta sexta-feira em Teerã seu apoio à ocupação e aos saques de dois edifícios diplomáticos do Reino Unido que ocorreram nesta semana, indicou a agência Irna.

Após as orações de sexta-feira na Universidade de Teerã, os manifestantes se dirigiram à praça da Revolução, gritando "Morte à Grã-Bretanha" e "Apoiamos a tomada do segundo refúgio de espiões", referindo-se à embaixada do Reino Unido.

A Irna não indicou quantas pessoas participaram da manifestação.

O governo iraniano proibiu na quinta-feira a imprensa estrangeira de cobrir qualquer nova manifestação antibritânica.

A agência Mehr havia informado que na quinta-feira deveria ser realizada uma nova manifestação diante de um destes edifícios, sem dar maiores informações.

Um jornalista da agência Mehr havia afirmado que "centenas" de membros da polícia antidistúrbios estavam mobilizados no jardim.

Em Londres, os diplomatas da embaixada do Irã se prepararam na sexta-feira para abandonar o Reino Unido antes do vencimento do prazo dado na quarta-feira pelo governo, em represália pelo saque da legação britânica em Teerã.