Porta-aviões oferece tratamento especial para vítimas do Haiti

JB Online

RIO - A clínica do porta-aviões americano USS Vinson, aportado a poucos kilômetros da capital do Haiti, Porto Príncipe, tem capacidade de oferecer tratamento médico de última geração aos sobreviventes do terremoto.

A equipe disponível é de 55 especialistas. A instalação possui três mesas de cirurgia, uma sala de radiologia e 50 camas.