Bird diz que é muito cedo para calcular o custo da gripe suína

Agência AFP

WASHINGTON - O Banco Mundial afirmou nesta terça-feira que ainda é muito cedo para fazer uma estimativa precisa do impacto econômico global da epidemia de gripe suína. - A situação evolui constantemente e é muito cedo para tentar uma avaliação aproximada do impacto global - declarou Phil Hay, porta-voz do Banco Mundial para assuntos de saúde.

- A prioridade número um do banco é a saúde e a vida das pessoas. O banco continua monitorando cuidadosamente a situação global e regional junto com a Organização Mundial da Saúde - disse.

O Bird anunciou no domingo um empréstimo de 205 milhões de dólares ao México para combater a enfermidade.