Piratas somalis libertam um navio-tanque turco

Agência AFP

ISTAMBUL - Os piratas somalis libertaram nesta terça-feira um navio-tanque turco seqüestrado em novembro no litoral do Iêmen, informou o conselheiro jurídico da empresa proprietária da embarcação, a YDC Marítima, Kubilay Marangoz, sem especificar se um resgate foi pago aos seqüestradores.

O navio tinha sido capturado em 12 de novembro com 4.500 toneladas de produtos químicos a bordo destinados à Índia.

Outro barco turco, um cargueiro que transportava ferro entre o Canadá e a China, foi capturado pelos piratas frente às costas somalis em outubro e libertado no último dia 6 depois do pagamento de um resgate.

Mais de 100 navios foram atacados em 2008 por piratas somalis, que já teriam recebido resgates no valor de US$ 120 milhões.