Apoiadores e opositores de Trump se enfrentam durante manifestações em Washington [vídeos]

Conflitos violentos ocorreram na Black Lives Matter Plaza em Washington, a capital dos Estados Unidos.

Foto: Reuters / Leah Millis
Credit...Foto: Reuters / Leah Millis

Manifestantes favoráveis e contrários ao presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, entraram em confronto nesse sábado (12) em Washington, enquanto as forças de segurança se esforçavam para separar as partes.

Conflitos violentos ocorreram na Black Lives Matter Plaza em Washington, a capital dos Estados Unidos.

De acordo com as informações preliminares, os manifestantes teriam atirado bombas de fumaça e projéteis uns contra os outros. Testemunhas relataram a presença de um grande aparato policial no local, e que diversos agentes ficaram presos no meio da multidão enfurecida.

[lmagens dos confrontos violentos que ocorreram na tarde deste sábado [12] entre apoiadores e opositores de Trump na BLM Plaza em Washington.]

Mais cedo, a polícia tentou evitar brigas nas ruas isolando a manifestação anti-Trump que ocorria em frente à Casa Branca. Os policiais, alguns deles em bicicletas, não permitiram que ninguém, incluindo repórteres, entrasse na área.

Os manifestantes pró-Trump, que realizaram sua segunda marcha após as eleições de 3 de novembro, gritavam "parem de roubar" e exigiam "mais quatro anos" para o presidente Donald Trump, enquanto ele insiste que sua vitória foi "roubada" pelos democratas através de fraudes e irregularidades maciças.

[Nossa! Milhares de pessoas se reúnem em Washington [D.C.] para a manifestação "Parem de Roubar". Eu não sabia disso, mas vou vê-los!]

As manifestações rivais aconteceram um dia depois que a Suprema Corte dos EUA rejeitou uma ação do Texas que buscava anular a vitória de Biden em quatro estados: Geórgia, Michigan, Pensilvânia e Wisconsin. O processo contou com o apoio de Trump, que há mais de um mês desafia os resultados eleitorais em vários estados do país.(com agência Sputnik Brasil)