Justiça da Tailândia dissolve importante partido da oposição

Um importante partido da oposição na Tailândia, que havia anunciado a candidatura da irmã do rei, foi dissolvido nesta quinta-feira pelo Tribunal Constitucional, a apenas duas semanas das eleições legislativas, que a junta militar que governa o país atualmente espera vencer.

"A nomeação pelo partido Thai Raksa Chart da princesa Ubolratana como candidata ao cargo de primeira-ministra foi feita com a intenção de enfraquecer o sistema político tailandês", anunciou a corte em uma decisão transmitida ao vivo pela televisão.

Em seguida, o tribunal determinou a "dissolução" do partido.

Ubolratana, 67 anos, foi anunciada como candidata ao posto de chefe de Governo no início de fevereiro pelo partido Thai Raksa Chart, liderado pelo clã do bilionário ex-primeiro-ministro Thaksin Shinawatra.

Derrubado em 2006 e atualmente no exílio, Shinawatra esperava retornar à política tailandesa com o novo partido.

bur-dth/phv/es/zm/fp