Jornal do Brasil

Internacional

Sfera Ebbasta, 'rei do trap' e ídolo dos jovens italianos

Confusão em show do rapper deixou seis mortos neste sábado

Jornal do Brasil

Sfera Ebbasta, o rapper de 26 anos que devia ter se apresentado na boate "Lanterna Azzurra", em Corinaldo, na madrugada deste sábado (8), é ídolo dos adolescentes e um dos maiores fenômenos musicais do momento na Itália.

Uma confusão provocada durante o show terminou com um saldo de seis mortos, incluindo cinco adolescentes de 14 a 16 anos, e mais de 100 feridos, sete dos quais em estado grave.

Macaque in the trees
Sfera Ebbasta tem 26 anos e faz sucesso entre os jovens italianos (Foto: Reprodução/Facebook)

Nascido Gionata Boschetti, em Cinisello Balsamo, perto de Milão, Sfera Ebbasta ficou famoso com o lançamento do álbum "XDVR", em 2015, e tem mais de 2,2 milhões de seguidores no Instagram, onde faz o estilo "rapper ostentação".

Seu último álbum, "Rockstar", de 2017, liderou as vendas no país durante meses, com músicas que falam sobretudo de dinheiro. "Eu me definia o 'rei do trap' quando o trap ainda era inexistente na Itália", disse recentemente, em referência ao estilo que mistura hip-hop com música eletrônica.

"Se posso ser considerado um exemplo, é porque sou um jovem que saiu de um bairro desprivilegiado sem um tostão no bolso", acrescentou na mesma entrevista. Sfera Ebbasta, no entanto, nunca buscou ser um modelo para seu público, sobretudo os jovens.

"Sou tão ignorante em política que pareceria um tolo se me expusesse. Acredito que o principal problema seja a ignorância, antes de tudo da própria classe política. Mas se você faz o que te diz um rapper, algo está errado", afirmou.