Jornal do Brasil

Internacional

Trump nomeia William Barr como procurador-geral

Advogado já ocupou o cargo no início dos anos 1990

Jornal do Brasil

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, nomeou nesta sexta-feira (7) o advogado William Barr como novo procurador-geral, posto que também exerce a função de secretário de Justiça.
Barr, que já ocupou o cargo entre 1991 e 1993, no mandato de George H. W. Bush (1924-2018), substituirá Jeff Sessions, demitido por Trump em novembro passado, um dia após a derrota republicana nas eleições legislativas de meio de mandato.

"Bill Barr é um dos mais respeitados juristas do país, um advogado altamente respeitado e um homem brilhante", elogiou o presidente, durante coletiva de imprensa nos jardins da Casa Branca.
Barr é crítico das investigações sobre a suposta interferência russa nas eleições de 2016 e defendeu muitas ações controversas de Trump, como a demissão do então diretor do FBI, James Comey.
A nomeação ainda precisa do aval do Senado.


ONU 

Já para o posto de embaixadora dos EUA nas Nações Unidas (ONU), hoje ocupado por Nikki Haley, Trump indicou a porta-voz do Departamento de Estado, Heather Nauert.

Haley pediu demissão em outubro passado, alegando que deseja fazer uma "pausa na carreira". Ela é cotada para concorrer à Presidência em 2020, embora já tenha negado essa hipótese.