Jornal do Brasil

Internacional

14 crianças são feridas por mulher com faca na China

Jornal do Brasil

Uma agressora com facas machucou nesta sexta-feira, 26, 14 crianças do jardim de infância na cidade da China ocidental Chonqqing, afirma a polícia. A mulher, de 39 anos, foi levada sob custódia e a razão para o ataque não foi divulgada.

Um relatório publicado online pela polícia diz que a agressão no jardim de infância Xinshiji, nos arredores da cidade, aconteceu às 9h30 da manhã do horário local, quando as crianças retornavam para as aulas.

Todas receberam tratamento no hospital Banan. Um médico confirmou por telefone que as crianças estavam lá, mas se recusou a dar detalhes.

Nenhuma informação sobre a agressora foi dada, além do sobrenome, Liu. Vídeo postado nas redes sociais mostra as crianças feridas saindo da escola para as ambulâncias. Algumas saíram de maca.

A China registrou um alto número de casos desse tipo nos últimos anos, culpando principalmente pessoas com problemas mentais ou com rancor.

Em junho, um homem usou uma faca para atacar três garotos e a mãe perto de uma escola em Xangai, matando duas das crianças. A polícia disse que o agressor estava desempregado e cometeu o ataque "para se vingar da sociedade".

A lei chinesa restringe a venda e posse de armas de fogo, e ataques em massa são geralmente feitos com facas ou explosivos caseiros.

Quase 20 crianças foram mortas em ataques a escolas em 2010, provocando autoridades do alto escalão do governo a responder com grades e guardas de segurança. Fonte: Associated Press

 



Recomendadas para você