Jornal do Brasil

Internacional

Suspeito do caso Khashoggi morre em acidente na A. Saudita

Tenente teria participado de execução de jornalista

Jornal do Brasil

Um militar suspeito de participação no desaparecimento do jornalista saudita Jamal Khashoggi teria morrido em um acidente de trânsito.

A informação é do jornal turco "Yeni Safak", que é bastante próximo ao regime do presidente Recep Tayyip Erdogan. Segundo o diário, o tenente da Força Aérea da Arábia Saudita Meshal Saad al Bostani, que estava entre os 15 membros da equipe que chegara a Istambul no dia do desaparecimento, faleceu em um "acidente de carro suspeito".

Sem citar provas nem mais detalhes, o jornal diz que Bostani, 31 anos, pode ter sido "silenciado". Khashoggi, dissidente do regime saudita, desapareceu em 2 de outubro, quando foi ao consulado de seu país em Istambul para retirar documentos de divórcio.

O cônsul da Arábia Saudita na cidade turca, Mohammed al Otaibi, já retornou a Riad e, segundo o "Yeni Safak", pode ser o próximo a ser silenciado. O país árabe é governado atualmente pelo príncipe regente Mohamed bin Salman, também conhecido como "MbS", e o desaparecimento do jornalista representa um duro golpe na imagem de reformista que ele vem tentando construi



Recomendadas para você