Jornal do Brasil

Internacional

Governos regionais da China estouram cota de emissão de bônus de infraestrutura

Jornal do Brasil

Os governos regionais na China turbinaram emissões de bônus especiais para financiamento de projetos de infraestrutura, excedendo um teto estipulado este ano por Pequim, em meio a esforços intensificados para estimular o crescimento econômico.

Nos primeiros nove meses do ano, os comandos locais venderam 1,764 trilhão de yuans nos chamados bônus de propósito especial, informou o Ministério de Finanças nesta quarta-feira. A pasta havia imposto uma cota de 1,35 trilhão de yuans para esses papéis em 2018, de acordo com o relatório orçamentário anual divulgado em março.

"É muito raro que a emissão de bônus por governos regionais de fato exceda a cota", disse o economista da Founder Securities Yang Weixiao. Mesmo após levar em conta os títulos que já venceram, ele reafirma que a emissão líquida permanece grande.

O salto veio após o Ministério de Finanças convocar em agosto os governos locais a completar o grosso de suas emissões de bônus até o fim de setembro. Ao longo dos primeiros sete meses do ano, a emissão total desses papéis foi de 563,2 bilhões de yuans.

O investimento em ativos fixos fora de domicílios rurais, um medidor da atividade de construção, cresceu 5,3% no período entre janeiro e agosto em relação a igual intervalo em 2017, no ritmo mais lento desde 1992, o primeiro ano da série histórico de acordo com o Wind Info. (Dow Jones Newswires)

 



Tags: China

Recomendadas para você