Juiz descarta ação por difamação de Stormy Daniels contra Trump

Um tribunal dos Estados Unidos rejeitou nesta segunda-feira (15) uma ação por difamação da atriz pornô Stormy Daniels contra o presidente Donald Trump.

Daniels, cujo nome de batismo é Stephanie Clifford, tem outro processo aberto contra o presidente sobre a nulidade de um pacto de confidencialidade que assinou para ficar calada sobre um suposto caso entre os dois.

O juiz federal S. James Otero se referiu a uma demanda à parte por difamação, que Daniels apresentou logo depois de Trump publicar em abril no Twitter que a atriz inventou ter sido vítima de ameaças para que silenciasse sobre um suposto relacionamento que teria tido com o presidente.

Otero disse que o tuíte era a "uma 'hipérbole retórica' normalmente associada com a política e o discurso político nos Estados Unidos".

O advogado de Daniels, Michael Avenatti, disse que apelará da decisão.