Comércio empresarial Brasil-China

A corrente de comércio entre o Brasil e a China totalizou US$ 18,6 bilhões entre janeiro e abril de 2016. indicando uma queda de 14% em relação ao mesmo período de 2015.

O saldo comercial entre os países indicou superávit de US$ 3,8 bilhões para o Brasil, refletindo um acréscimo de 254% a igual período do ano passado. 

As exportações brasileiras apresentaram um aumento de 17%, enquanto as importações tiveram um decréscimo de 39% em países asiáticos.

As exportações de soja foram ascendentes. Os desembarques do grão cresceram 48% em valor. As vendas de minério de ferro cresceram 23% em quantidade, enquanto em valor ficaram 24% a menos.