Tudo azul no firmamento de Fernanda Montenegro

Fernanda Montenegro lançou sua autobiografia fotográfica no SESC, em Copacabana, num ambiente todo azul, ela de azul, a luz e as poltronas do teatro, azuis. Tudo a ver com o firmamento estelar que se enfileirou para receber o autógrafo da Dama Maior do Teatro Brasileiro. Estavam lá, e vocês podem conferir nas fotos acima, Letícia Sabatella, o cineasta Silvio Tendler, Renata Sorrah, sem esquecer de Dercimar, a filha de Dercy Gonçalves, a saudável Dama Maior da Comédia.

O Funeral da Mamãe Grande do Soul

O FUNERAL de Aretha Franklyn poderá superar até as “superproduções” que foram os funerais de Whitney Houston e Michael Jackson. Apenas em Detroit serão quatro dias com cerimônia aberta ao público... HAVERÁ UMA mostra pública, no Museu Charles H. Wright de História Afro-Americana, que Aretha visitava com frequência... ABERTA APENAS a familiares e amigos, uma cerimônia no dia 31, no Templo da Graça Maior, uma casa de culto de 4 mil lugares onde houve os funerais de Rosa Parks, Levi Stubbs dos Four Tops e do trompetista de jazz Marcus Belgrave... POR FIM, Aretha Franklin será sepultada no Cemitério de Woodlawn, em Detroit. Repousará ao lado de seu pai, o reverendo C.L. Franklin, seus irmãos, Cecil, Carolyn e Erma Franklin, e do sobrinho, Thomas Garrett... BOA PARTE dos moradores de Detroit estão migrando para os cultos da Igreja Batista Nova Bethel, presidida por muitos anos pelo reverendo Franklin, e onde Aretha começou a cantar... FOI O PAI de Aretha quem, em 1963, liderou a Marcha de  Detroit pela Liberdade ao lado de Martin Luther King Jr... POR FALAR em funeral, 18 entidades representativas de diversos segmentos da indústria audiovisual do Brasil lançaram um manifesto de surpresa e preocupação com a notícia veiculada na sexta-feira sobre a morte do Departamento de Economia da Cultura do BNDES, comunicada aos funcionários pelo presidente do banco, sr. Dyogo Oliveira... ELAS ESTRANHAM que a presidência do banco, ao extinguir o departamento de cultura, demonstre desconhecer que a empresa de consultoria PricewaterhouseCoopers coloca a indústria do entretenimento e lazer cultural entre as três maiores cifras de negócios do mundo - quase US$ 2 trilhões... LEMBRAM QUE a cultura brasileira, mesmo nesse quadro gravíssimo de crise econômica, é um dos setores mais dinâmicos da economia nacional, está em franca expansão, gera quase 1 milhão de empregos e sua participação no PIB é de 1,2% a 2,6%. Sem esquecer sua dimensão simbólica... OS SIGNATÁRIOS concluem, expressando sua confiança de que o BNDES esclarecerá essa notícia e que o Departamento da Economia da Cultura do banco continuará promovendo o desenvolvimento da indústria... EM SUA RESPOSTA, o sr. Dyogo Oliveira só fez acentuar a impressão de desinformação sobre esses fatos, confundindo política de Patrimônio Histórico com política de financiamento à Industria Criativa Cultural... O QUE ISSO SIGNIFICA? Que o BNDES está apenas sendo coerente com o Projeto Novo Brasil - vamos chamá-lo assim - que desmonta o país e aniquila qualquer possibilidade de desenvolvimento intelectual do povo brasileiro, e faz estagnar toda iniciativa que promova a inclusão social... UMAANIQUILAÇÃO de terra arrasada, um retrocesso, não ao tempo do Governo Getúlio Vargas, com essa “releitura” grosseira de suas CLT, mas à própria Abolição da Escravatura, pois torna os pobres, negros na maioria, reféns do capital e totalmente escravizados pela ausência de instrumentos que promovam alguma justiça social... ESSE PROCESSO vem se desenvolvendo desde o início deste governo, quando foi anunciada a extinção do Ministério da Cultura, ato que só foi revertido após forte posicionamento da classe artística brasileira, em uníssono, ocupando instalações do ministério e exigindo respeito para o setor. Assim, o MinC foi mantido, aos barrancos e trancos, com o atual orçamento pífio... CONCOMITANTE A ISSO, lançaram, logo nas semanas pós impeachment, e aprovaram, uma reforma do ensino básico, em que inicialmente só eram obrigatórios o português e a matemática!... OS ESTUDANTES REAGIRAM, ocuparam escolas públicas, e a nova grade curricular passou a incluir inglês (antes podia-se escolher entre ele e o idioma espanhol, agora, não mais), filosofia, sociologia, artes e educação física, com o foco maior de preparar para o ensino técnico... SEM DISCUTIR com a sociedade, com um conteúdo didático prejudicado, para a revolta e o protesto da sociedade civil, pais, alunos e professores, que pediram a rejeição da Medida Provisória, enquanto antigos ministros da Educação previram, com essa reforma, um grande risco de se ampliarem as desigualdades de oportunidades... DEPOIS, VEIO o corte drástico de recursos para toda e qualquer pesquisa científica. Veio a campanha contra as universidades públicas, reduzindo-se drasticamente seus recursos, e até criminalizando reitores... AGORA, O BNDES, tido como “a mãe da cultura brasileira”, tradicional impulsionador da nossa indústria criativa, sai de campo e deixa o setor desguarnecido de patrocínios e financiamentos... FAZ REFLETIR que o que se pretende são novas gerações de brasileiros com nível raso de informação, sem interesses culturais abrangentes, reduzidas à perspectiva de um futuro ensino técnico, quando muito... NADA A ESTRANHAR. Apenas estão sendo sinceros em seus objetivos de desconstruir o Brasil, pois é sabido que “a cultura constrói uma Nação”. Sem cultura, sem ciência e com uma instrução incipiente, o que esperar do Brasil?... ELEMENTAR: UM PAÍS com poucas cabeças pensantes, país vassalo, sem deter patentes, 100% dependente do conhecimento importado... UM BRASIL consumidor da produção cultural estrangeira. Com o setor de audiovisual totalmente dominado por produções em inglês (daí a serventia de falar o idioma?)... E VOLTANDO AO BNDES, colocar na mesma “caixinha” as suas políticas para a preservação do Patrimônio Cultural e as de uma pujante indústria criativa é, perdoe-me dizer, falta de cultura. Ou ojeriza a ela... NO DEBATE da RedeTV, o entrevero entre Marina Silva e Jair Bolsonaro foi o que mais chamou a atenção. Lá pelas tantas, o presidenciável, já fora do microfone, sugeriu a Marina que lesse o “o livro de Paulo”... NÃO É POSSÍVEL saber a qual livro na Bíblia, do apóstolo Paulo, o candidato se referiu... CONTUDO, LEVANDO-SE em conta a fama atribuída a ele e o tema da discussão, é provável que ele tenha sugerido a Primeira Carta aos Coríntios, capítulo 14, versículos 34 e 35... ELA DIZ: “Conservem-se as mulheres caladas nas igrejas, porque não lhes é permitido falar; mas estejam submissas como também a lei o determina. Se, porém, querem aprender alguma coisa, interroguem, em casa, a seu próprio marido; porque para a mulher é vergonhoso falar na igreja”... NESTE MOMENTO em que o mundo caminha à direita da estrada, com o ressurgir de “pragas” como o fascismo, o nazismo e o desprezo aos direitos humanos, a morte ontem de Kofi  Annan, um humanista, traduz-se numa grande tragédia para todos nós...