Madonna, Elton John e o mundo da música se despedem de George Michael

Madonna, amiga de George, disse que ele é "outro grande artista que nos deixa"

Como informou este JB, o cantor britânico George Michael morreu, neste domingo (25), aos 53 anos. A causa da morte não foi divulgada. 

"É com grande tristeza que podemos confirmar que o nosso astro, irmão e amigo George faleceu pacificamente em casa durante o Natal", disse o representante do músico, em um comunicado. "A família gostaria de pedir que a sua privacidade seja respeitada neste momento difícil e emocional".

Madonna, amiga de George, disse que ele é "outro grande artista que nos deixa" e ironizou: "2016 já pode dar o fora agora?".

Elton John, por sua vez, disse que está "em choque profundo": "Perdi um amigo amado - o mais doce, a alma mais generosa e um artista brilhante. Meu coração está direcionado para sua família e seus fãs, George".

A cantora Laura Pausini falou que George sempre será seu "artista masculino favorito": "Meu coração é só tristeza. Descanse em paz, incrível George Michael. Não consigo acreditar".

Por meio de comunicado geral, a banda Duran Duran disse que ocorreu "a perda de mais uma alma talentosa": "Todo nosso amor e solidariedade à família de George Michael".

Miley Cyrus, cantora e atriz, foi além: "Já sinto sua falta! Obrigada por todo o ativismo radical na comunidade LGBT! Te amo para sempre".

O cantor Bryan Adams também fez coro: "Descanse em paz, George Michael. Não posso acreditar. Um cantor tão incrível e um ser humano tão adorável. Muito jovem para nos deixar #georgemichael".