Na abertura da Bienal, protestos de “Fora Temer” quase terminam em briga

Abertura do grande evento de arte, em São Paulo, foi tomada por protesto político

Por todos os cantos do país gritos de “Fora Temer” ecoam e ganham cada vez maior reverberação. Não poderia ser diferente na abertura da 32ª Bienal de São Paulo, na capital.

Dezenas de artistas participantes tomaram o saguão do prédio projetado por Oscar Niemeyer para gritarem frases de ordem e o já clássico “Fora Temer” - reproduzido pela maior parte do público presente, nos três pisos do local. 

O frenesi político, no entanto, também despertou certo incômodo em alguns dos visitantes, que reagiram com ofensas e gestos obscenos O clima, que logo ficou pesado, chegou a descambar para um ensaio de briga, que logo foi apartada por presentes e pela segurança. Bafafá artsy…

[email protected]