"O ‘CQC’ virou um programa de bundão", diz Rafinha Bastos  

O apresentador 'Saturday Night Live' deu declarações polêmicas no programa 'Roda Viva', ontem (30)

Confira também o nosso blog

Rafinha Bastos é um gerador incansável de frases polêmicas. Na noite desta segunda-feira (30), o apresentador do programa 'Saturday Night Live', da RedeTV!, foi entrevistado no 'Roda Viva', da TV Cultura. Durante a conversa, Rafinha falou sobre sua carreira, saída do 'CQC', à época da polêmica envolvendo as piadas que fez com a cantora Wanessa Camargo e o filho que ela esperava, e deu seu parecer sobre as fronteiras do humor para o mau gosto.

De acordo com Rafinha, as piadas com Wanessa só ganharam repercussão depois da supervalorização da mídia. “Uma das primeiras piadas que eu ouvi foi: ‘qual é o cúmulo da pontaria? Você come a mulher e acerta o bebê’”, falou. “Eu ouvi essa piada aos dez anos. Será que não tinham outros interesses por trás para acontecer tanta polêmica?”, completou o apresentador, insinuando que os veículos insistiram em noticiar esse fato por algum motivo escuso. 

Sobre a sua controversa saída da Band, Rafinha Bastos também foi incisivo: "Os diretores da Bandeirantes são os caras com menor senso de humor do mundo. (…) Eu achava que teríamos de fazer humor como sempre fizemos, voltar e fazer sarro de tudo isso. O negócio da cantora (Wanessa) virou uma bola de neve. Quando me sentei com a Band para falar do ocorrido, me disseram que eu tinha de pegar mais leve porque a força da minha pancada é muito mais forte agora. Eu respondi: ‘Não tenho controle sobre isso porque vão me assistir no teatro e logo depois contar que falo mal do Fábio Assunção ou da Marília Gabriela. Então, ou eu paro de trabalhar ou vocês me bancam como sempre fizeram. Se não deixarem eu ser o que sempre fui, eu não quero mais brincar’. Foi dito e feito". O apresentador completou criticando o programa do qual saiu. "Depois disso, o ‘CQC’ virou um programa de bundão. E não estou falando dos meus amigos. O ‘CQC’ não brinca mais como brincava", declarou.

O programa 'Saturday Night Live' não ficou fora da discussão. Rafinha chegou a falar sobre as especulações de que a atração não estaria funcioando. "O formato americano não teria como dar certo. É muito precipitado dizer que não deu certo, porque ainda está em reformulação. (…) Não é o programa do Rafinha, apesar de ser às vezes vendido como se fosse. Eu ali sou mais produtor executivo do que parte do elenco. (...) O que aconteceu na Bandeirantes só não aconteceu na Rede TV! porque tem menos visibilidade. Porque ali já fizemos piadas piores que no ‘CQC’ ali.", finalizou. 

[email protected]