Grêmio vence Corinthians e encosta nos líderes do Brasileirão

Com os três pontos somados, equipe de Renato Gaúcho se aproxima de São Paulo e Flamengo

Com gol de Everton, o Grêmio bateu o Corinthians,  por placar de 1 a 0, em Itaquera (SP) e mostra recuperação depois da eliminação na Copa do Brasil. 

A equipe gremista dominou a partida na maior parte dos 90 minutos e sem sofrer e diante de um ataque apático do adversário.

O resultado veio no segundo tempo. Famoso por seu toque de bola, o time comandando por Renato Gaúcho conseguiu abrir o placados aos 9’, em uma boa jogada de velocidade pelo meio campo, no  contra-ataque rápido, Luan deu um passe para Everton, que invadiu a área, ganhou da marcação e mandou para o fundo das redes. 

Com a vitória, o Grêmio chega aos 36 pontos e pula para terceiro lugar, um a menos do que o Flamengo e dois atrás do líder São Paulo, que ainda jogam neste domingo (19), contra Atlético-PR e Chapecoense, respectivamente.

 Já o Corinthians sofre a segunda derrota seguida e segue estacionado em 26 pontos, quatro atrás do rival Palmeiras, último time do G-6.  

O time paulista volta a campo na quarta-feira (22), ás 21h45min,   contra o Fluminense, pela 20ª rodada do Brasileirão. Já o tricolor gaúcho recebe o Cruzeiro em Porto Alegre, no mesmo dia e horário. 

Primeiro Tempo

A primeira oportunidade foi adversária, no minuto inicial, após a cobrança de escanteio de Jadson na cabeça de Danilo Avelar. No lance, Bruno Grassi espalmou a bola, afastando o perigo. Logo na sequência, Henrique fez um lançamento longo, mandando muito forte, direto pela linha de fundo. 

Já o Grêmio tentou responder com Ramiro, que fez um cruzamento na área buscando Cortez, mas a zaga paulista cortou antes da bola chegar ao lateral.

Com 6 minutos de bola rolando, o Tricolor ameaçou mais uma vez. Depois de erro de Fagner, Ramiro pegou a sobra e cabeceou já dentro da área, mas bola acabou no meio do gol, facilitando a defesa de Walter. Três minutos depois, foi a vez de Everton invadir a área e chutar forte, mas o arqueiro adversário mais uma vez fez a defesa.

Aos 18’, os gremistas criaram uma boa chance com Ramiro, que deu chutou forte de fora da área, obrigando Walter a mandar mais uma vez a escanteio.

Aos 24 minutos, depois de uma cobrança de falta na área, Everton colocou na área, a bola desviou na defesa e em Kannemann, chegando a Cortez, que finalizou, mandando para o fundo das redes, mas a arbitragem já tinha assinalado impedimento do lateral.

O Corinthians chegou aos 30 minutos, com um chute de longa distância, mas Bruno Grassi caiu para defender no meio do gol.

Já aos 40’ Everton chegou ao ataque, fazendo uma boa jogada individual, mas a defesa paulista interceptou a jogada. Quatro minutos depois, Ramiro deu um bom passe para o atacante que recebeu e chutou, mas mandou por sobre a meta.


Segundo Tempo

O Grêmio iniciou bem a etapa complementar. Logo aos 6 minutos, Cícero obrigou Walter a fazer uma difícil defesa, espalmando para escanteio. Na cobrança, a bola foi afastada pela defesa.

Aos 9’, em uma boa jogada de velocidade pelo meio, o Tricolor conseguiu chegar ao gol. No contra-ataque rápido, Luan deu um passe para Everton, que invadiu a área, ganhou da marcação e mandou para o fundo das redes.

O Corinthians respondeu aos 13’, com uma boa jogada na intermediária. Gabriel recebeu e tentou o cruzamento, mas a bola explodiu em Kannemann. Os paulistas pediram toque de mão do gremista, mas nada foi assinalado pela arbitragem. Lance normal.

Aos 15’, Pedrinho arriscou um chute de longa distância, mas Bruno Grassi estava bem posicionado e fez a defesa.

Com 28’, Everton saiu em velocidade pela esquerda, passou pela marcação e foi parado por Walter. O Grêmio chegou bem aos 39’, com Everton, que limpou a marcação e chutou cruzado. Walter defendeu. Logo na sequência, Thaciano recebeu um passe nas costas de Henrique, chutou de primeira, cruzado, obrigando o arqueiro paulista a fazer boa defesa.


Ficha técnica

Corinthians

Wálter; Fágner, Pedro Henrique, Henrique e Danilo Avelar; Ralf (Mateus Vital, 29'/2º), Gabriel, Araos e Jadson (Jonathas, 17'/2º); Pedrinho (Emerson Sheik, 37'/2º) e Romero.Técnico: Osmar Loss

Grêmio

Bruno Grassi; Leonardo, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Jailson e Cícero; Ramiro (Alisson, 31'/2º), Luan e Everton (Pepê, 46'/2º; Jael (Thaciano, 36'/2º).Técnico: Renato Portaluppi