Tite inicia renovação do Brasil após Copa do Mundo

O técnico brasileiro Tite anunciou nesta sexta-feira a primeira lista de convocados após a Copa do Mundo, com 24 nomes para disputar amistosos contra Estados Unidos e El Salvador, liderados por Neymar e com muitas novidades, como Pedro, Andreas Pereira e o jovem Hugo.

Após renovar contrato no comando da seleção até a Copa do Mundo do Catar-2022, apesar da eliminação precoce nas quartas de final na Rússia contra a Bélgica, Tite deixou de lado figurar como Gabriel Jesus, Miranda e Marcelo.

O treinador indicou que quer testar novos jogadores antes de focar totalmente na Copa América-2019, disputada no Brasil e primeiro grande compromisso da equipe.

"Todos os atletas que não foram convocados conversaram com a comissão. Eles têm sua importância, mas estamos no momento de oportunidade dos talentos da nova geração (...) Nessa primeira fase vão ser oportunidades maiores. A prioridade é de oportunidades, mantendo uma equipe base. No ano que vem, ela é da preparação para a Copa América", disse Tite na sede da Confederação Brasileira da Futebol (CBF), no Rio de Janeiro.

Em coletiva de imprensa em que reconheceu o "sabor amargo" que deixou na Rússia, Tite voltou a sair em defesa de Neymar e anunciou uma lista recheada de caras novas. Ainda assim, o treinador só chamou um jogador de cada time brasileiro teve jogadores convocados, para evitar influenciar o campeonato local.

A maior surpresa foi a entrada do goleiro do Flamengo Hugo Souza, de 19 anos, que nunca jogou entre os profissionais. O arqueiro vai completar o trio ao lado de Alisson e Neto, já que Ederson acabou pedindo dispensa por motivos pessoais.

A convocação de Pedro, 21 anos e atual artilheiro do Brasileirão pelo Fluminense, também era esperada, assim como a presença do meia Lucas Paquetá (Flamengo) e o atacante Everton (Grêmio).

Também é destaque a convocação de Andreas Pereira, jogador do Manchester United de José Mourinho que apesar de ter dupla nacionalidade descartou defender a Bélgica para realizar seu sonho de vestir a "amarelinha", ao contrário do que fez recentemente Jorginho com a Itália.

Também são novidades depois da Copa do Mundo: Fabinho (Liverpool), Dedé (Cruzeiro), Felipe (Porto), Arthur (Barcelona), Alex Sandro (Juventus) e Neto (Valencia).

Apesar de algumas ausências notáveis, a lista tem também 13 das peças que participaram do mundial na Rússia, como Neymar, Willian, Filipe Luís, Thiago Silva, Philippe Coutinho e Casemiro.

Sobre Neymar e as polêmicas do craque no mundial, Tite voltou a sair em defesa do atacante do Paris Saint-Germain.

"Não estou aqui para julgar ou conceituar comportamentos. Não vou julgar o que dizem, o que fala a imprensa (...) Neymar merece elogios por comportamento, pela disciplina", manifestou.

Tite reiterou que o atacante do PSG é um "top 3" e disse que Neymar "tem possibilidades de crescimento muito grande" e "tem muita lucidez, escolhe o caminho correto das coisas".

- Os 24 convocados por Tite para os amistosos contra Estados Unidos e El Salvador, em setembro:

Goleiros: Alisson (Liverpool/ING), Hugo (Flamengo), Neto (Valencia/ESP).

Defensores: Fagner (Corinthians), Fabinho (Liverpool, ENG), Alex Sandro (Juventus, ITA), Filipe Luis (Atlético de Madrid/ESP), Dedé (Cruzeiro), Felipe (Porto), Marquinhos (Paris SG/FRA), Thiago Silva (Paris SG/FRA).

Meias: Casemiro (Real Madrid/ESP), Fred (Manchester United/ING), Arthur (Barcelona, ESP), Andreas Pereira (Manchester United/ING), Lucas Paquetá (Flamengo), Philippe Coutinho (Barcelona/ESP), Renato Augusto (Beijing Guoan/CHI).

Atacantes: Neymar (Paris SG/FRA), Roberto Firmino (Liverpool/ING), Pedro (Fluminense), Willian (Chelsea/ING), Douglas Costa (Juventus/ITA), Everton (Grêmio).

csc/fa