Derrotados no meio da semana, Fla e Botafogo buscam recuperação em duelo no Maracanã

Sempre que uma equipe perde, é comum ver um jogador da equipe derrotada afirmar que nada melhor do que um clássico na partida seguinte para recuperar a confiança e o apoio da torcida. Hoje, às 19, no Maracanã, Flamengo e Botafogo se enfrentam pela 14ª rodada do Brasileiro exatamente nesta situação. Os dois times foram derrotados no meio da semana e precisam da vitória. 

Líder isolado com 27 pontos, o Flamengo viu a distância para o segundo colocado, o São Paulo, diminuir para apenas um ponto – era de quatro antes da parada para a Copa do Mundo – com a derrota para o próprio tricolor paulista em pleno Maracanã. 

E pelo que se viu no treino de ontem no Ninho do Urubu, o técnico Maurício Barbieri vai escalar uma equipe bastante ofensiva para vencer e continuar em primeiro lugar. Como não terá Everton Ribeiro, suspenso, o treinador rubro-negro vai escalar o time com um trio de atacantes estrangeiro: Marlos Moreno (colombiano), Uribe (colombiano) e Guerrero (peruano). Como o volante Cuéllar volta ao time após cumprir suspensão contra o São Paulo, o Flamengo jogará o clássico com quatro jogadores estrangeiros.

Um deles, Marlos Moreno, ainda tenta conquistar a torcida. Tem o apoio do treinador para isso. “É normal que um jogador demore a engrenar num novo time. Aconteceu com o Vinicius”, lembra Maurício Barbieri. 

Uma coisa é certa: o clássico de logo mais será bastante disputado, como foram todos os confrontos entre as duas equipes este ano. “Os dois times vão brigar pela vitória. O Botafogo é sempre um time difícil de ser batido. Sabemos a importância de pontuar para nos mantermos na ponta, mas independentemente do resultado, o trabalho vai continuar. O Campeonato Brasileiro é bastante longo”, afirmou ontem o goleiro Diego Alves. 

Apesar da derrota de 2 a 0 para o Corinthians na quarta-feira, o Botafogo chega ao clássico motivado. O time fez uma boa apresentação em São Paulo e só não conseguiu um melhor resultado porque o goleiro Cássio, em noite inspiradíssima, impediu com pelo menos quatro grandes defesas. 

A certeza de que o time está no caminho certo é a maior motivação do Botafogo hoje. É assim que os jogadores estão encarando o clássico contra o Flamengo, líder do Brasileiro e que terá quase todo o Maracanã a seu favor – até ontem tinham sido vendidos 32 mil ingressos. 

Confirmado no meio-campo, Matheus Fernandes não vê nada de especial em enfrentar o Flamengo. “Para mim não tem nada de diferente, é clássico igual a qual quer outro. É normal ter sempre um pouco mais de provocação”, garante o volante alvinegro. 

Flamengo: Diego Alves; Rodinei, Réver, Léo Duarte e Renê; Cuéllar, Lucas Paquetá e Diego; Uribe, Marlos e Guerrero. Botafogo: Jefferson, Luís Ricardo, Joel Carli, Igor Rabello e Moisés; Rodrigo Lindoso, Jean, Matheus Fernandes e Léo Valencia; Rodrigo Pimpão (Aguirre) e Kieza. Juiz: Luís Flávio de Oliveira (SP).