De olho na Seleção, Pato lamenta não enfrentar Corinthians

Alexandre Pato teme que o Corinthians crie um novo empecilho na sua carreira. “Tranquilo” e “feliz” – como gosta de dizer – com a sua sequência de jogos pelo São Paulo, o atacante passou a acreditar que tem chances de retornar à Seleção Brasileira. Só que não poderá mostrar serviço ao técnico Dunga na 17ª rodada do Campeonato Brasileiro.

“Quero voltar à Seleção. Espero estar na lista dos primeiros jogos das Eliminatórias. Vamos ver o que acontecerá. Mas, infelizmente, o Corinthians quebrará a minha sequência bem no momento da convocação”, lamentou.

Pato está vinculado ao Corinthians até o final da próxima temporada e, pelo acordo de empréstimo ao São Paulo, não pode enfrentar a sua ex-equipe. Ou seja, será desfalque no clássico do domingo de 9 de agosto, no Morumbi.

O atacante tem usado justamente a sequência de jogos sob o comando do colombiano Juan Carlos Osorio para explicar o bom momento que atravessa no São Paulo, apesar de não gostar de encarar a passagem pelo Corinthians como fracassada.

“Sou grato ao professor Muricy (Ramalho) e principalmente ao Osorio, que aceitou o meu posicionamento aberto, mas também tive o Tite no Corinthians. É uma ótima pessoa, um cara que admiro bastante, que me deu a oportunidade de jogar, diferentemente de outros. Tive uma mesma sequência de gols do Guerrero”, argumentou.

É inegável, contudo, que Pato está muito mais contente no Morumbi. “Vivo um momento especial. Tenho feito gols, e o Osorio está me dando segurança e o prazer de jogar. Espero retribuir em campo e ajudar cada vez mais o São Paulo para ser campeão aqui”, disse o jogador que não deixou saudades no Parque São Jorge.