Grupo Turner acerta compra do canal Esporte Interativo

O conglomerado de mídia Turner acertou nesta quinta-feira a compra do canal brasileiro Esporte Interativo, especializado na cobertura de competições esportivas. O grupo internacional, que tem entre os canais a Warner Channel e a rede CNN, agora detém 100% da rede que conta com a próxima temporada da Liga dos Campeões da Europa como principal produto.

Em junho de 2013, o Grupo Turner havia comprado uma fatia do Esporte Interativo, mas agora a empresa assumirá 100% do canal. A rede brasileira continua sob o comando do atual CEO, Edgar Diniz. O comandante da Turner América Latina exaltou o Brasil como um país estratégico. 

"O Brasil é um mercado prioritário, tanto para a Turner quanto para a Time Warner, e a empresa está totalmente comprometida com o crescimento desse mercado local", comentou Juan Carlos Urdaneta.

Apenas uma questão não fica clara com a compra do canal: o Esporte Interativo é retransmitido em TV aberta, mas a legislação brasileira permite que canais abertos tenham apenas 30% de capital estrangeiro. Sendo assim, o EI talvez seja obrigado a sair da grade da TV aberta. O Terra tentou contato com o Esporte Interativo e com o Turner para elucidar a questão, mas ainda não obteve retorno.

Por outro lado, o canal ganha grande força para entrar na grade das principais operadoras de TV a cabo no Brasil, como Sky e NET. A entrada é pleiteada há tempos, e o Grupo Turner pode ser o aliado que faltava para enfrentar a Globosat nos bastidores.