Fla entra com ação na Fifa para receber por venda de Hernane

Após um mês de espera pelos R$ 7 milhões a que tem direito por conta da venda do atacante Hernane para o Al Nassr, dos Emirados Árabes, o Flamengo decidiu levar o caso à Fifa. O departamento jurídico já procurou o escritório do advogado Marcos Motta para que possa acionar o clube estrangeiro na justiça.  

A negociação girou em torno de R$ 14 milhões, e os dirigentes garantiram que pagariam a parte do Flamengo em 10 dias. A Fifa obrigou o clube carioca a enviar a transferência internacional para que o jogador pudesse atuar, com a garantia dada pelo clube comprador que efetuaria o pagamento. 

Como já completou um mês da negociação e o dinheiro não entrou na conta do Flamengo, o clube carioca vai acionar o Al Nassr na Fifa.