Brasileiros são campeões no Mundial Militar de Judô

Foi um dia histórico para o judô brasileiro. Logo no primeiro dia do torneio individual do Mundial Militar, o Brasil cravou a sua melhor campanha na história da competição com 3 medalhas nos pesos ligeiro e meio leve. Felipe Kitadai (60kg) e Eleudis Valentim (52kg) foram campeões em suas categorias. Já Sarah Menezes (48kg) ficou com a prata. Leandro Cunha (66kg) chegou a disputa pelo bronze mas acabou ficando na quinta colocação.

“Ainda não estou acreditando, a ficha não caiu ainda. Foi uma competição muito difícil. É a realização de um sonho ser campeã mundial militar depois de tanto esforço e dedicação. Agradeço a todos que me ajudaram e tornaram essa conquista possível”, disse Eleudis.

Para chegar ao lugar mais alto do pódio, a meio leve passou por Aimen Kaliyeva (KAZ) e pela finlandesa Jaana Sundberg. Na final, precisou do golden score para finalmente vencer a chinesa Xuejie Lin. Já Felipe Kitadai passou por Kamel Haroune da Argélia por ippon e depois por Behzad Vandani do Irã por estrangulamento. 

Na final, enfrentou toda a torcida pelo atleta da casa, Meirlan Baimahanbetov. Mas não deu chances o adversário e arrebatou o ouro.A campeã olímpica Sarah Menezes venceu a alemã Sonja Wirth e a polonesa Kinga Kubicka mas na decisão foi derrotada pela chinesa Shugen Wu. A oriental já havia sido derrotada pela brasileira em Londres 2012.

“Acho que foi um resultado bastante positivo. Agora é me preparar para o Grand Slam de Moscou daqui a duas semanas e para o Mundial do Rio em agosto”, disse a atual líder do ranking mundial.

Leandro Cunha, o outro brasileiro que competiu hoje, ficou muito perto da medalha. O “Coxa” disputou o bronze contra o norte-coreano Yong Sik Choe mas acabou derrotado e terminou a competição na quinta colocação.

No domingo, o Brasil já havia faturado o ouro por equipes no feminino e a prata no masculino. Nesta quinta é a vez das disputas das categorias leve e meio médio. O Brasil será representado por Flávia Gomes (57kg), Mariana Barros (63kg), Alex Pombo (73kg) e o líder do ranking mundial Victor Penalber (81kg). 

O Mundial Militar termina na próxima sexta-feira, 5/7, com as categorias mais pesadas. Maria Portela (70kg), Mayra Aguiar (78kg), Maria Suelen Altheman (+78kg), Eduardo Santos (90kg), Luciano Correa (100kg) e Walter Santos (+100kg) defendem as cores brasileiras. Os técnicos da equipe são Mário Sabino e Kiko Pereira.