Elenco tricolor treina em academia na Venezuela e no campo, nas Laranjeiras

Depois da estreia com vitória na Libertadores, o dia foi de trabalho duro para o elenco tricolor. Com exceção do goleiro Diego Cavalieri, apenas quem iniciou a partida contra o Caracas descansou nesta quinta-feira, 14. Ainda na capital venezuelana, além do arqueiro titular, os atletas que entraram no decorrer do jogo, os que ficaram no banco e os não relacionados fizeram uma atividade de manutenção física na academia. 

Já nas Laranjeiras, os jogadores que não viajaram com a delegação para a Venezuela disputaram um coletivo contra os juniores.

O treinamento realizado no Estádio Manoel Schwartz foi comandado pelos preparadores físicos Marcelo Chirol e Flávio Vignoli. Os profissionais venceram a atividade, por 3 a 1, com gols de Samuel e Higor (2). Os juniores descontaram com Zé Lucas.

Atuaram pelo time profissional: Leanderson; Wallace, Elivélton, Gum, Eduardo; Fábio, Rafinha, Felipe, Deco; Higor e Samuel.

O zagueiro Gum aprovou a programação tricolor. Segundo ele, a atividade contra os reservas foi muito positiva:

"Quando a programação foi feita, foi passado que o foco para quem ficasse era se preparar bem para estar à disposição para o jogo contra o Volta Redonda. A atividade de hoje foi muito boa. Precisava mesmo fazer um coletivo para pegar mais ritmo. Hoje, o Fluminense tem uma base de muita qualidade e isso ajuda muito nesse tipo de situação", disse.

Nesta sexta, 15, com o time que viajou à Venezuela já de volta, o elenco tricolor treina às 9h30, nas Laranjeiras.


Site do Flu