Campeão, Fluminense descarta corpo mole nos jogos restantes

Com mais uma vitória, o Fluminense se torna o campeão brasileiro com maior número de pontos desde que o formato de pontos corridos com 20 clubes passou a ser utilizado, em 2006 – nas primeiras três edições, a competição contou com 24 e 22 times e os líderes conseguiram pontuação maior. É o que motiva a equipe a não fazer corpo mole na reta final.

O recorde na era dos pontos corridos com 20 clubes é do São Paulo, que levantou a taça em 2006 com 78 pontos. O Fluminense está a apenas dois pontos do time paulista.

O técnico Abel Braga já prometeu que vai mandar a campo força máxima nas últimas três rodadas da competição, mesmo que o título já esteja assegurado. O primeiro jogo já é no próximo domingo contra o Cruzeiro, no Estádio do Engenhão, reencontro com a torcida que promete fazer uma grande festa novamente.

"O Fluminense tem o objetivo particular de conquistar pelo menos mais uma vitória. Vamos procurar vencer todos os jogos que nos faltam. Queremos bater todos os recordes que pudermos", afirmou o lateral esquerdo Carlinhos, um dos cinco convocados da equipe para o confronto com a Argentina pelo Superclássico das Américas.

Jean, um dos grandes símbolos da equipe campeã pela sua regularidade e dedicação, também foi convocado para a Seleção Brasileira. E não é agora que conquistou um dos seus grandes objetivos que vai se jogar nas cordas.

"Agora mesmo é que a gente não pode deixar de jogar com dedicação. O torcedor não vai querer ver o time desfilando em campo. Temos que vencer o jogo contra o Cruzeiro em frente à nossa torcida. E nós ainda temos os nossos objetivos neste campeonato", disse o volante.