Maya Gabeira vence pela 5ª vez o Oscar das ondas grandes

A brasileira Maya Gabeira venceu, na madrugada deste sábado, pela quinta vez, o prêmio Billabong XXL, considerado o Oscar das ondas grandes. A surfista recebeu um cheque de US$ 5 mil (cerca de R$ 9,5 mil) por sua performance ao longo da última temporada de surfe em condições extremas.

Concorriam com Maya, filha do ex-deputado federal Fernando Gabeira, as havaianas Paige Alms e Keala Kennelly, a brasileira Silvia Nabuco e a americana Savannah Shaughnessy. Vale lembrar que no surfe os atletas do Havaí, uma das raízes do esporte, são identificados pelo estado em que nasceram, e não como americanos.

No masculino, o prêmio principal de US$ 50 mil (cerca de R$ 95 mil) ficou com o americano Nathan Fletcher por sua onda surfada em Teahupoo, no Tahiti, no dia 27 de agosto de 2011. Os outros finalistas eram os australianos Ryan Hipwood e Jeff Rowley, o americano Greg Long e o havaiano Garrett McNamara.

O brasileiros Danilo Couto, Everaldo "Pato" Teixeira, Felipe Cesarano e Rodrigo Koxa concorriam em categorias secundárias, mas não levaram os prêmios de melhor remada, tubo e maior queda - os dois últimos -, respectivamente.