Tiger Woods terá novo jogo, apesar de escândalos sexuais

Portal Terra

SÃO PAULO - Peter Moore, presidente do estúdio EA Sports (do grupo Electronic Arts), disse que as vendas de jogos de golfe Tiger Woods PGA Tour 10 não foram afetadas em 2009, quando o golfista viu-se enfiado em escândalos envolvendo sua vida particular.

» Próximo 'Guitar Hero' pode reunir Megadeth e Projeto Natal

» 20% das mulheres acham que seus parceiros jogam tempo demais

» Jovem perde 70 quilos com "dieta do videogame"

No final de 2009, a mídia revelou que Woods tinha uma vida particular agitada, participava de festas, bebia em excesso e mantinha inúmeros casos extraconjugais. O golfista, sempre tratado como "bom menino", viu sua imagem pública ruir e alguns analistas de mercado e editoriais da indústria de videogames apontaram a possibilidade de a companhia Electronic Arts romper o contrato com o esportista, temendo que a (deteriorada) imagem do esportista afetasse os negócios.

Moore reforçou que a EA mantém-se fiel ao esportista Woods e que ele é muito, muito importante para os negócios, e que as vendas de jogos não foram afetadas, apesar dos escândalos. "Não notamos impacto", disse Moore em entrevista ao site Gamespot. "Conferimos as vendas de dezembro e as do ano inteiro. Os fatos relacionados a Tiger (Woods) aconteceram durante as festas de fim de ano, entretanto não notamos queda nas vendas", disse.

Na verdade, as vendas da franquia foram melhores em 2009 que em 2008.

"Assim como todos os fãs e pessoas envolvidas em negócios com Tiger Woods, desejamos a ele o melhor ... e que ele retorne aos campos o mais breve possível", finalizou Moore.

EA e Woods são parceiros de negócio faz tempo e há mais de 12 anos desenvolvem a série de jogos de golfe PGA Tour com a consultoria e a assinatura de Tiger Woods. Como as vendas não foram prejudicas, esse casamento (negocial) deve seguir em frente.

Aliás, estúdio EA Sports anunciou o novo jogo de golfe Tiger Woods PGA Tour 11, que não terá versões para PS2 e PSP (enquanto as edições anteriores tiveram).

Série

O grupo EA desenvolve jogos de golfe desde 1986, quando lançou World Tour Golf. Em 1990, nasceu a série PGA Tour Golf e, a partir de 1998, ela recebeu a assinatura do golfista profissional Tiger Woods. O lançamento das novas edições da série ocorre anualmente.

Em junho de 2009, Anita Frazier, analista da empresa de consultoria NPD Group, revelou que o faturamento da franquia Tiger Woods PGA Tour Golf havia chegado à marca de US$ 500 milhões. Via Twitter, escreveu que "os jogos de Tiger Woods venderam mais de meio bilhão (de dólares) até agora".

Vida privada

Recentemente, Tiger Woods anunciou seu afastamento dos campos de golfe para poder se tratar e "melhorar como pessoa". Ele disse precisar disso para reparar seus erros e para se reaproximar da família.

O jornal americano The New York Times publicou reportagem em que relata diversas festas em que o golfista "jogava, bebia e fumava" acompanhado de amigos como Charles Barkley e Michael Jordan. Casado há cinco anos e pai de dois filhos, Woods teria tido pelo menos dez mulheres fora do casamento, segundo o jornal.

Tiger Woods PGA Tour 11 (produção: EA Sports | distribuição: Electronic Arts), iPhone, PS3, Wii, X360.

Estreia:

América, 2010

Ásia, 2010

Europa, 2010

Oceania, 2010