Por luta, boxeador faz jejum de sexo com namorada modelo

Portal Terra

DA REDAÇÃO - O campeão mundial da categoria supermédio Carl Froch teve de fazer um esforço redrobado para a luta desta noite em que defenderá o cinturão do Conselho Mundial de Boxe (WBC) contra o americano Andre Dirrell.

De acordo com o tablóide The Sun, Froch não faz sexos com a namorada, a modelo Rachael Cordingley, há dez semanas para se preparar para o combate. Rachael foi escolhida em 2007 pela revista Maxim como uma das mais belas mulheres do mundo.

- Em termos de sexo, quando você está treinando ou lutando, você perde o interesse por qualquer outra coisa. Mesmo tendo a namorada por perto - declarou Froch.

- Eu levo meu treino a sério e as coisas que você faz com a sua parceira não fazem parte deste treinamento. Eu passei dez semanas me preparando para enfrentar Dirrell e posso dizer que não poderia perder essa energia - completou o boxeador.

Froch não concorda com a declaração do boxeador dos pesos pesados David Haye, que declarou que uma das suas maiores frustrações durante o treinamento é o fato de ter de cortar o sexo até passar a luta.

- Haye fala sobre ter de resistir para não fazer sexo. Não é questão de resistir. Se estou treinando, não me interesso por nenhuma outra coisa. Sou um puro atleta.

O boxeador afirma que Rachael Cordingley entende bem essa situação.

- Ela traz muita alegria e diversão quando estamos juntos. Eu não poderia acreditar que existisse uma garota tão linda que amasse tanto boxe. Eu acho que meu futuro será brilhante com Rachael.