Jornal do Brasil

Esportes

Foco no Brasileiro? "É difícil manter", diz Renato após derrota no Castelão

Jornal do Brasil

Renato Gaúcho acredita que a proximidade com o jogo de volta da semifinal da Libertadores prejudicou o Grêmio contra o Fortaleza. Após derrota por 2 a 1 de ontem, o treinador disse que é difícil convencer os jogadores a focarem no Brasileiro.

Macaque in the trees
Renato Gaúcho, técnico do Grêmio (Foto: reprodução redes sociais)

"Perder nunca é bom. Agora vamos virar a página e pensar no Flamengo, temos uma decisão na quarta-feira, e só depois pensaremos no Brasileiro de novo. Eu tento conversar diariamente com os jogadores, mas às vezes é difícil convencer a manter o foco. Temos este jogo quarta, estamos preparados e esperamos conseguir a classificação", disse Portaluppi.

Nem mesmo a opção por uma equipe totalmente reserva serviu para o elenco gremista. Ainda que tenha jogado melhor em alguns momentos da partida, o time acabou tomando a virada na capital cearense.

"Começamos bem, fizemos o gol, estávamos valorizando a posse de bola. E do nada começamos a recuar. Mandei eles (jogadores) saírem, mas ficaram lá atrás, o Fortaleza cresceu e conseguiu a virada. Voltamos melhores para o segundo tempo, tivemos chances claras de gol, mas infelizmente não conseguimos empatar e veio a segunda derrota seguida", afirmou Portaluppi.

Para a classificação do Brasileiro, a queda foi importante. O Tricolor segue fora do G6 e tem posto ameaçado até o fim da rodada.

E a zona de classificação para a próxima Libertadores pode ser importante. Caso não vença esta edição do torneio, é por meio do campeonato de pontos corridos que a vaga de 2020 pode vir.

O Grêmio encara o Botafogo na próxima rodada do Brasileirão. Antes, decide a vida na Libertadores contra o Flamengo, quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), no Rio de Janeiro.(FolhaPress SNG)