América-MG demite Givanildo Oliveira após segunda derrota na Série B

Um dia depois de perder sua segunda partida na Série B do Brasileiro, o técnico Givanildo Oliveira foi demitido do América-MG. O anúncio foi feito na manhã desta quarta-feira (1º), menos de 24 horas após o Coelho sair derrotado para o Botafogo-SP por 1 a 0 dentro de casa, no Independência.
Givanildo foi contratado em novembro do ano passado para tentar evitar o rebaixamento da equipe na elite do Brasileirão, objetivo que não foi alcançado. Apesar de ter feito apenas duas partidas pelo Coelho na Série B, o desempenho do time sob seu comando já estava questionado desde a reta final do Campeonato Mineiro deste ano.
Em 18 jogos nesta temporada, o América teve sete vitórias, cinco empates e seis derrotas sob o comando de Givanildo. Desde que assumiu a vaga de Adilson Batista, iniciando sua quinta passagem pela equipe, Givanildo teve nove triunfos, cinco empates e nove derrotas com o time mineiro.
"O América Futebol Clube informa que Givanildo Oliveira não é mais o treinador da equipe profissional. Givanildo estava à frente do Coelho desde novembro de 2018, em sua quinta passagem pelo clube. Ao todo, ele dirigiu o América em 258 jogos, com 123 vitórias, 68 empates e 67 derrotas. O América agradece a Givanildo por todo o profissionalismo e os serviços prestados pelo Clube e deseja sucesso em sua trajetória", informou o clube.
Apesar de mais uma saída, Givanildo Oliveira segue como um dos maiores técnicos na história do América. Além do título mineiro de 2016, ele também venceu a Série C de 2009 e a Série B de 1997.