Corinthians reverte desvantagem contra a Chape e avança na Copa do Brasil

O Corinthians teve uma atuação bastante consistente diante da Chapecoense nesta quarta-feira (24), venceu por 2 a 0 e avançou às oitavas de final da Copa do Brasil.

Com os gols marcados por Mauro Boselli e Mateus Vital, o time alvinegro conseguiu reverter a desvantagem do jogo de ida, em Chapecó, onde perdeu por 1 a 0.

Diante de sua torcida, a equipe de Fábio Carille mostrou um futebol mais convincente, tendo mais posse de bola, criatividade no ataque e buscando o gol do começo ao fim.

Além dos artilheiro da noite, o lateral-direito Fagner também teve grande atuação e foi um dos principais responsáveis pela classificação alvinegra.

O duelo contra a Chapecoense foi o nono jogo de mata-mata seguido do Corinthians e o saldo é perfeito para o clube: além de avançar na Copa do Brasil, também está classificado à segunda fase da Copa Sul-Americana e, no domingo (21), conquistou o título do Campeonato Paulista.

A exibição diante da Chape, somada ao título do estadual, dão moral para o time alvinegro às vésperas da abertura do Campeonato Brasileiro. No domingo (28), o Corinthians estreia diante do Bahia, em Salvador.

Eliminada, a Chapecoense fará o seu primeiro jogo no campeonato nacional diante do Internacional, sábado (27), em Chapecó.

O Corinthians vai esperar agora o sorteio da CBF que definirá os confrontos das oitavas de final da Copa do Brasil.

CORINTHIANS

Cássio; Fagner (Michel Macedo), P. Henrique, Manoel e C. Augusto; Ralf, Ramiro (Vagner Love), Sornoza; Pedrinho (Mateus Vital), Clayson e Boselli. T.: Fábio Carille

CHAPECOENSE

Tiepo; Eduardo, Gum (Vinícius Locatelli), Douglas e B. Pacheco; Elicarlos (Amaral), Márcio Araújo e Campanharo; Régis, Aylon (Bruno Silva) e Everaldo. T.: Ney Franco

Estádio: Itaquerão, em São Paulo

Público e renda: 33.5832 pagantes (33.864 presentes)/ R$ 1.269.891,50

Juiz: Daniel Nobre Bins (RS)

Assistentes: Elio Nepomuceno de Andrade Junior e Leirson Peng Martins (RS)

Cartões amarelos: Eduardo (CHA) e Amaral (CHA); Fagner (COR)

Gols: Mauro Boselli (COR), aos 16min do 1º tempo; Mateus Vital (COR), aos 24min do 2º tempo