Palmeiras encara San Lorenzo para seguir 100% na Libertadores

O Palmeiras, com 100% de aproveitamento na Copa Libertadores-2019, visitará o San Lorenzo em Buenos Aires e tentará somar uma terceira vitória no Grupo F da competição para dar mais um passo rumo à classificação às oitavas de final, nesta terça-feira.

Atual campeão brasileiro e semifinalista da Libertadores no ano passado, o Palmeiras chega ao duelo contra o San Lorenzo confiante, após empatar fora de casa como o rival São Paulo (0-0) no jogo de ida das semifinais do Campeonato Paulista.

Para o importante duelo contra o San Lorenzo, o técnico Luiz Felipe Scolari convocou o zagueiro paraguaio Gustavo Gómez para viajar até a capital argentina, mas o jogador ainda é dúvida devido a problemas no tornozelo, assim como o lateral Victor Luis.

Já Ricardo Goulart, maior reforço do Verdão para esta temporada, foi descartado da partida e ficará em São Paulo para fazer trabalhos de recondicionamento físico para prevenir contra possíveis lesões.

Uma nova vitória deixará o Palmeiras, primeiro colocado com 6 pontos, com um pé nas oitavas de final da Libertadores, mas um empate na casa do principal rival do Grupo F não seria visto como um mau resultado. O San Lorenzo tem quatro pontos após duas rodadas.

Enquanto o Palmeiras vive bom momento doméstico, o adversário desta terça-feira passa por uma crise de resultados no Campeonato Argentino, no qual terminará último de 26 equipes, após perder seis pontos por irregularidades administrativas.

Na competição nacional, o San Lorenzo ganhou apenas um dos últimos 16 jogos que disputou, o que explica aparecer no fundo da tabela. O 'Ciclón' só ficou a salvo do rebaixamento devido à fórmula do campeonato, que premia boas campanhas nos anos anteriores.

"As pessoas têm razão em se irritar. O resultado e o momento esportivo fazem com que tudo seja visto com pessimismo", admitiu o técnico do San Lorenzo, Jorge Almirón, no domingo após empatar com o Gimnasia La Plata (1-1).

O duelo entre San Lorenzo e Palmeiras será disputado no estádio El Nuevo Gasometro, em Buenos Aires, às 19h15, horário de Brasília. O árbitro será o chileno Julio Bascuñán.

 

Prováveis escalações:

San Lorenzo: Fernando Monetti - Víctor Salazar, Fabricio Coloccini, Marcos Senesi, Damián Pérez - Román Martínez, Raúl Loaiza, Gonzalo Castellani - Juan Camilo Salazar, Nicolás Blandi y Rubén Botta o Nicolás Reniero. T: Jorge Almirón.

Palmeiras: Weverton - Mayke, Gustavo Gómez, Luan, Diego Barbosa - Thiago Santos, Moisés, Lucas Lima - Dudu, Felipe Pires e Arthur. T: Luiz Felipe Scolari.