Botafogo encaminha contratação de Diego Souza por empréstimo até dezembro

Botafogo e São Paulo encaminharam um acordo para a transferência do atacante Diego Souza. O jogador será emprestado ao clube alvinegro até dezembro de 2019, mesmo período do contrato restante com o tricolor. O atleta participou normalmente do treino de ontem no CT do São Paulo, no que pode ter sido a última atividade dele pelo clube. A expectativa é de que Diego Souza assine contrato com o Botafogo ainda esta semana.

O Botafogo busca um nome de peso para o seu comando de ataque. A posição conta apenas com Kieza no elenco, que ainda não conseguiu se firmar. Desde 2018 no alvinegro, o atacante disputou 49 partidas, marcando 10 gols (média de 0,2 por jogo), mas ainda está zerado em 2019. Os números de Diego Souza são ligeiramente melhores. O atacante foi o artilheiro do São Paulo no ano passado, com 16 gols em 51 jogos. Neste ano, marcou apenas um gol em oito partidas (média de 0,28 no período).

O Botafogo bancará 100% dos vencimentos de Diego Souza, que giram em torno de R$ 600 mil mensais. O atacante só poderá enfrentar o tricolor paulista mediante o pagamento de uma taxa de R$ 400 mil.

Macaque in the trees
Diego Souza comemora único gol no ano, marcado contra o Novorizontino pelo campeonato Paulista (Foto: Celio Messias/Lancepress!)

Outra cláusula do acordo prevê que, caso haja uma proposta por Diego Souza igual ou superior a US$ 1,5 milhão (cerca de R$ 5,8 milhões) durante o empréstimo, o Botafogo será obrigado a liberar o jogador. O São Paulo ainda acrescentou ao contrato a possibilidade de estender o vínculo com o jogador.

A pedido do técnico Cuca, do São Paulo, foi cogitada a possibilidade de incluir o meia Luiz Fernando na negociação, mas o Botafogo recusou a proposta. O tricolor ficou apenas com a prioridade de compra do atleta até 2021, quando o vínculo dele com o alvinegro se encerra. Outra questão discutida, mas descartada em seguida, foi a inclusão do perdão da dívida do Botafogo pela compra do atacante Henrique Almeida, em 2013, junto ao clube paulista. O Botafogo deve uma parcela de R$ 600 mil, que, feitas as correções, segundo o processo movido pelo São Paulo, estaria, atualmente, em R$ 3,5 milhões.

O Botafogo recebe o Madureira na próxima segunda-feira no Nilton Santos, pela terceira rodada da Taça Rio, precisando da vitória para seguir com chances de classificação. Mesmo treinando normalmente ontem, o goleiro Gatito Fernández segue sendo desfalque por conta de uma lesão em um dos dedos da mão.