Djere bate jovem canadensee conquista o Rio Open

Laslo Djere freou a sensação do torneio, o jovem canadense Felix Auger-Aliassime, e conquistou o Rio Open, seu primeiro título de ATP na carreira profissional, sem perder sets. O sérvio de 23 anos venceu a grande final por 6/3 e 7/5 e se tornou apenas o segundo tenista de seu país a vencer um torneio ATP 500. O compatriota campeão de torneios desse nível é ninguém mais, ninguém menos que Novak Djokovic.

Além do gostinho de levantar uma taça pela primeira vez em sua carreira, Djere também terá uma grande ascensão no ranking da ATP. O sérvio iniciou sua trajetória no Rio Open como número 90 do mundo e, com o resultado, vai subir para 37º, um salto de mais de 50 posições.

Macaque in the trees
Laslo Djere ergue o troféu do Rio Open após bater Auger-Aliassime. Sérvio foi campeão sem perder sets (Foto: Carl de Souza/CDS/AFP)

Na próxima semana, tanto Djere quanto Auger-Aliassime seguem em solo brasileiro. Eles disputarão o Brasil Open, em São Paulo, no saibro coberto do Ginásio do Ibirapuera.

Nas outras seis edições do torneio, o campeão da chave de simples jamais se repetiu. Vencedores em outras ocasiões, Diego Schwartzman e Dominic Thiem caíram logo na estreia, enquanto Pablo Cuevas foi derrotado por Felix Auger-Aliassime em uma das semifinais.

Nas duplas, Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva foram derrotados pelo argentinos Máximo González e pelo chileno Nicolás Jarry no último sábado por 6/7 (3), 6/3 e 10-7. Em 2014, Belluci também perdeu a final, mas em parceira com Marcelo Melo.