Jornal do Brasil

Esportes

Um dia após despedida, Fernando Alonso volta a dirigir um Fórmula 1 no Bahrein

Jornal do Brasil

Apenas 17 horas após a disputa do GP de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, que marcou a sua despedida da Fórmula 1, o piloto espanhol Fernando Alonso voltou a dirigir um carro da categoria, nesta segunda-feira, no circuito de Sakhir, no Bahrein.

O bicampeão mundial, que se afastou da Fórmula 1 após a prova do último domingo, a 21.ª e última da temporada de 2018, teve um de seus derradeiros compromissos com a McLaren neste ano ao trocar de carro com o norte-americano Jimie Johnson, sete vezes campeão da Nascar (2006, 2007, 2008, 2009, 2010, 2013 e 2016).

Alonso, que já disputou as 500 Milhas de Indianápolis no ano passado pela Fórmula Indy, dirigiu por algumas voltas um modelo da McLaren V8 de 2013 e o carro de Johnson, que fez a sua estreia em um carro de Fórmula 1.

O espanhol disse durante o teste desta segunda-feira no Bahrein que o teste com um carro da Nascar não tem um motivo profissional. "É pura diversão agora", disse o espanhol. "Mas não posso dizer 100% que não vou curtir o suficiente para pensar em ter uma oportunidade neste ambiente tão competitivo no futuro".