Jornal do Brasil

Esportes

Bottas desbanca Red Bull e é o mais rápido do dia nos treinos livres em Abu Dabi

Jornal do Brasil

O finlandês Valtteri Bottas não deu chances para ninguém na segunda sessão de treinos livres para o GP de Abu Dabi, nos Emirados Árabes Unidos, a 21.ª e última etapa da temporada de 2018 da Fórmula 1. Nesta sexta-feira, o piloto da Mercedes desbancou a dupla da Red Bull - formada pelo holandês Max Verstappen e o australiano Daniel Ricciardo -, que havia feito a dobradinha na primeira atividade pela manhã, e foi o mais rápido do dia. Fez a sua melhor das 37 voltas que deu no circuito de Yas Marina em 1min37s236.

Os rivais da Red Bull ficaram logo atrás na mesma ordem da primeira sessão de treinos livres. Verstappen ficou com a segunda colocação com apenas 44 milésimos de segundo a menos que Bottas - fez 1min37s280. Ricciardo veio na sequência com 1min37s428. Pentacampeão mundial por antecipação, o inglês Lewis Hamilton colocou a sua Mercedes em quarto lugar, com 1min37s443.

A sessão da tarde de treinos livres mostrou muito equilíbrio entre as três principais equipes. Tanto que a diferença do tempo de Bottas para o sexto colocado, o alemão Sebastian Vettel, da Ferrari, foi de apenas 0s333 - o tetracampeão mundial marcou a sua melhor volta em 1min37569. Um pouco à frente, em quinto, o finlandês Kimi Raikkonen, também da escuderia italiana, fez 1min37s461. É um bom indício de uma luta equilibrada pela última pole position da temporada.

Já fora da casa de 1min37s, o francês Romain Grosjean, da Haas, conseguiu a sétima colocação com 1min38s060. Para fechar o Top 10 do segundo treino livre em Abu Dabi, ele foi seguido, na ordem, pelo alemão Nico Hulkenberg, da Renault; pelo dinamarquês Kevin Magnussen, da Haas; e pelo francês Esteban Ocon, da Force India, que na primeira sessão havia feito o quinto melhor tempo.

O espanhol Fernando Alonso, por sua vez, teve um desempenho bem melhor em relação ao primeiro treino livre, quando ficou apenas em 19.º e penúltimo lugar. Na segunda sessão, o bicampeão mundial, que se despede da Fórmula 1 neste final de semana, levou a McLaren ao 13.º lugar, à frente da Force India do mexicano Sergio Pérez e da Sauber do monegasco Charles Leclerc.

Os pilotos voltam ao circuito de Yas Marina neste sábado, às 8 horas (de Brasília), para a terceira sessão de treinos livres, enquanto que o treino oficial de classificação que vai decidir o grid de largada começa às 11 horas. A corrida, no domingo, será às 11h10.