Jornal do Brasil

Esportes

Renato Gaúcho diz que sonha em treinar o Flamengo, mas dá prioridade ao Grêmio

Jornal do Brasil

O Grêmio foi derrotado pelo Flamengo por 2 a 0, na quarta-feira, no estádio do Maracanã, pelo Campeonato Brasileiro, mas o assunto que dominou o pós-jogo não foi a atuação das equipes ou a situação de ambas na tabela de classificação. Ídolo dos dois clubes, o técnico Renato Gaúcho foi questionado sobre o desejo de comandar o time rubro-negro. Confirmou que tem esse sonho, mas destacou que a prioridade é do rival gaúcho.

"Qualquer jogador gostaria de jogar no Flamengo, assim como qualquer treinador gostaria de treinar o Flamengo. Mas o Grêmio é grande, é gigante. São dois clubes que sempre disputam muito, ganham campeonatos. Treinar o Flamengo era um sonho e também tinha o sonho de treinar o Grêmio. Fico feliz por ter realizado o sonho de treinar o Grêmio. De estar no Grêmio. Tenho sonho de treinar o Flamengo, sei que um dia vai chegar. Quando eu não sei, mas estou no Grêmio e tenho contrato", disse o treinador, em entrevista coletiva.

"O que posso falar é que tenho conversado com o presidente do Grêmio sobre a renovação. O Grêmio sempre em primeiro lugar, a preferência sempre vai ser do Grêmio. Por isso a gente tem mantido conversas, trocamos ideias. Se o Flamengo me procurou ou algum outro clube me procurou, deixa assim", afirmou Renato Gaúcho, que recebeu duas propostas do clube carioca em abril deste ano, mas recusou ambas.

O treinador admitiu um carinho pelo Flamengo e sua torcida. "É sempre bom voltar ao Maracanã, onde aconteceram grandes coisas. Tenho um carinho especial por tudo que vivi aqui dentro. Lógico que tenho um carinho especial pela torcida do Flamengo. Joguei alguns anos e ajudei a conquistar títulos no Flamengo. Tenho o sonho de treinar o Flamengo, mas quando será? Eu sigo focado em garantir uma vaga direta para a Libertadores com o Grêmio", revelou.

Sobre a derrota, Renato Gaúcho lamentou que sua equipe não começou tão ligado quanto o adversário. "Nossa equipe não foi tão feliz, principalmente no primeiro tempo. Mas não pode tirar os méritos do Flamengo, que tem jogadores diferenciados, com muita inteligência. Nosso time demorou um pouco para entrar na partida", finalizou.