Jornal do Brasil

Esportes

Vasco: Ramón não aceita violência da torcida

Jornal do Brasil

Os jogadores do Vasco estão conscientes de que a situação no Campeonato Brasileiro é delicada, apesar de o time ter deixado a zona de rebaixamento. Entendem que a torcida tem razão em criticar. Mas sem violência.
“Não estamos numa fase boa e a crítica faz parte do futebol. Não vamos pedir para o torcedor bater palma. Mas a partir do momento que há agressão, não podemos aceitar. Nesta hora termina a relação jogador/torcedor e passa a ser de homem para homem. É outra história”, desabafou ontem o lateral Ramón.
Terça-feira o Vasco enfrenta o Botafogo, no Nilton Santos.



Recomendadas para você