Wall Street fecha em baixa com temores de tensões comerciais

Wall Street fechou em baixa nesta quinta-feira, derrubada pela persistente inquietação pelos conflitos comerciais internacionais.

O índice industrial Dow Jones recuou 0,79%, a 24.462,18 unidades, sua oitava queda consecutiva. O tecnológico Nasdaq caiu 0,88%, a 7.712,95 unidades, e o índice S&P 500 0,64%, a 2.749,71.

Wall Street foi abalada pelo anúncio de uma desaceleração da produção industrial na região da Filadélfia em junho, disseram analistas.

"Até o momento, investidores achavam que a economia americana estava sólida o bastante para compensar qualquer impacto negativo das tarifas aduaneiras", disse Karl Haleing, especialista de mercados da LBBW.

O Nasdaq ainda sofreu por uma decisão da Suprema Corte que autoriza os estados a cobrar impostos de empresas de comércio digital.

Por isso, caíram as ações da Amazon (-1,13%), do eBay (-3,185) e se empresas similares. Em contrapartida, tiveram alta as marcas com lojas físicas: Walmart avançou 0,72%, Target 0,99% e Gap 2,03%.

No mercado de títulos, o rendimento dos bônus do Tesouro a 10 anos recuava a 2,897%, contra 2,939% de terça-feira, e o dos papéis a 30 anos caía a 3,043%, contra 3,078% da véspera.

bur/gm/ll