Fed sobe as taxas dos EUA ante perspectiva de crescimento sólido

O Federal Reserve (Fed, banco central americano) aumentou nesta quarta-feira pela primeira vez em 2018 as taxas básicas de juros diante do sólido crescimento dos Estados Unidos e deu sinais de que atuará mais agressivamente no correr do ano e em 2019.

O novo presidente do Fed, Jerome Powell, encabeçou sua primeira reunião de política monetária na qual ficou decidido o aumento das taxas básicas em um quarto de ponto percentual, ficando em um patamar entre 1,50% e 1,75%.

Em suas estimativas trimestrais, os membros do Fed avaliaram que, após mais dois aumentos, as taxas terminarão o ano em 2,1% como haviam calculado em dezembro. 

No entanto, para 2019 planejam outros três possíveis aumentos para fechar o ano em 2,9%.