Petróleo sobe apesar de avanço inesperado nos estoques dos EUA

Os barris de petróleo negociados em Londres registram alta nesta quinta-feira (25), mesmo após a divulgação dos dados do Departamento de Energia norte-americano na véspera, que apontaram uma inesperada alta nos estoques de petróleo bruto e na queda do preço da commodity no começo da manhã. 

Os estoques de crude tiveram alta de 856 mil barris, contra a expectativa de queda de 2,57 milhões de barris. 

O relatório também mostrou que a produção doméstica recuperou 1,1 milhão de barris por dia (bpd) para 9,5 milhões, e que as importações líquidas aumentaram pouco mais de 500 mil bpd, após a queda motivada pelo furacão Nate na semana anterior.

Às 10h03, o barril de Brent para dezembro negociado na ICE, em Londres, tinha queda de 0,22%, a US$ 58,31. Já o barril de WTI para entrega em dezembro, negociado no Nymex, em Nova York, recuava 0,02%, a US$ 52,17.

Às 13h37, o Brent tinha alta de 0,24%, a US$ 58,58, enquanto o WTI avançava 0,40%, a US$ 52,39.