Bolsas asiáticas encerram pregão sem direção definida

As bolsas do sudeste asiático encerraram o pregão desta quinta-feira (13) sem direção única, com o mercado observando melhoras na liquidez e no comércio externo da China, após comentários polêmicos do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Na China, o Xangai Composto teve leve alta de 0,07%, a 3.275,96 pontos, enquanto o Shenzhen Composto subiu 0,38%, a 2.014,67 pontos. O mercado do país demonstrou recuperação durante a sessão, após o banco central do país, o PBoC, colocar no mercado 70 bilhões de yuans (US$ 10,18 bilhões) líquidos no sistema financeiro.

Em Tóquio, o Nikkei recuou 0,68%, a 18.426,84 pontos, em seu terceiro pregão negativo, ainda pressionado pelo fortalecimento do iene ante o dólar.

Em outras partes da Ásia, o Taiex subiu 0,19%, a 9.836,68 pontos, em Taiwan. Em Hong Kong, o Hang Seng caiu 0,21%, a 24.261,66 pontos. O Kospi avançou 0,93% em Seul, a 2.148,61 pontos. O filipino PSEi avançou 0,37% em Manila, a 7.629,64 pontos.