Preços do petróleo tem forte alta nesta terça

Os contratos futuros dos barris de petróleo negociados em Londres e Nova York operam em forte alta nesta terça-feira (17), com informações de que o governo da China previu a redução de sua produção da commodity em 7% até 2020, conforme os poços antigos e de manutenção cara forçarem o país a recorrer a mais importações para atender suas necessidades de energia.

A baixa internacional do dólar e o governo da Arábia Saudita reafirmando a adesão ao comprometimento da Opep de reduzir a produção também influenciaram no preço do petróleo.

O diretor-executivo da Agência Internacional de Energia (AIE), Fatih Birol, afirmou nesta terça que a produção dos EUA deve voltar a crescer este ano após recuar em 2016.

Às 9h32 (de Brasília), o petróleo WTI para fevereiro, contrato mais líquido, subia 1,49%, a US$ 53,15 o barril, na New York Mercantile Exchange (Nymex). Por volta do mesmo horário, o Brent para março registrava alta de 1,24%, a US$ 56,55 o barril, na ICE.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais