Fed deve manter taxa de juros na reunião de quarta-feira

Brexit e situação doméstica preocupam economistas

O Federal Reserve, banco central dos EUA, deve manter inalterada a taxa de juros na reunião da próxima quarta-feira (25), a primeira desde que o Reino Unido decidiu deixar a União Europeia - o Brexit. 

De acordo com analistas, a instituição deve manter os juros no nível atual (entre 0,25% e 0,50%). O objetivo é garantir a fluidez do crédito e diminuir o impacto de eventuais consequências da saída britânica do bloco europeu.

De acordo com o Wall Street Journal, apenas 1,7% dos economistas consultados pelo periódico acreditam que a taxa de juros será elevada na quarta (25).

Nos EUA, prevalece um clima de precaução, uma vez que os mercados seguem atentos às consequências do Brexit. O impacto na economia norte-americana tem sido pequeno, mas o Fed continua atento. 

A situação doméstica também não justifica o aumento da taxa. Por mais que números do mercado de trabalho tenham tido uma melhora, o cenário ainda não é o mais favorável.

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade.
Ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Saiba mais